Franquia do seguro deve ser usada no momento certo

Para ter mais tranquilidade e segurança no seu dia a dia, é essencial que você tenha um seguro auto, seguro residencial, seguro de vida, entre outros. Esses seguros garantem que, caso ocorram imprevistos, você receba um valor para ressarcir os prejuízos, evitando que seus danos sejam mais do que materiais.

No caso dos veículos, por exemplo, o seguro cobre os valores para a manutenção dos automóveis de terceiros envolvidos no mesmo acidente; no entanto, para usar o seu seguro para cobrir o conserto de seu próprio carro, é necessário pagar uma taxa: a franquia do seguro.

Como funciona a franquia em seu seguro auto

Este valor obrigatório que o seguro cobra para que o seu carro passe por uma manutenção após possíveis danos é estipulado já no contrato do seu seguro. Ou seja, se está estipulado o valor de mil reais para a sua franquia, a empresa pagará apenas os consertos que forem mais caros do que isso.

Portanto, se o valor do conserto for superior ao da sua franquia, você precisará pagar apenas o valor da franquia enquanto o restante será pago pela seguradora, de acordo com a proposta na apólice.

Seguro de terceiros

O seguro de terceiros garante que, se você se envolver em algum acidente, será a seguradora que irá ressarcir os danos até o valor que foi estipulado em contrato. Isso é essencial, uma vez que, se você foi o responsável pelo acidente, deverá arcar com todos os gastos, e o seguro ajuda a amenizar esse prejuízo.

Para acionar o seguro de terceiros, não é necessário pagar a franquia, o que torna essa modalidade ainda mais necessária para o seu dia a dia no trânsito, garantindo mais economia e segurança para os motoristas.

[Total: 0    Média: 0/5]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *