Conheça mais sobre a montadora BMW e seus benefícios

A BMW (abreviação de Bayerische Motoren Werke), em português “Fábrica de Motores da Baviera”, foi fundada por Karl Friedrich Rapp e Gustav Otto em 7 de março de 1916, resultado da fusão de dois fabricantes de motores para aviões de Munique.

Até 1918 a empresa produziu apenas motores para aviões, mas com o Tratado de Versalhes, assinado após o fim da I Grande Guerra Mundial, em 1918, que proibia a Alemanha de fabricar motores de aviões por cinco anos, a BMW passou a produzir motores de quatro cilindros para caminhões e barcos.

Em 1923 desenvolveu a primeira motocicleta da marca, chamada BMW R 32, com motor boxer de dois cilindros.

Em 1923 desenvolveu a primeira motocicleta da marca, chamada BMW R 32

Em 1928, a BMW comprou uma fábrica de carros e com ela licença para produzir um pequeno automóvel chamado Dixi, baseado no modelo inglês Austin Seven, rebatizado com o nome de Dixi 3/15, que em um período de depressão econômica foi muito popular.

O primeiro carro com logotipo BMW foi apresentado em 1932, o 3/20 foi o primeiro automóvel totalmente desenvolvido pela BMW.

O modelo BMW 303, com motor de 6 cilindros foi lançado em 1933 e nele foi introduzida a grade dianteira de constituição dupla que se tornaram símbolos da marca alemã.

O BMW Roadster 328, com chassi tubular, motor de 6 cilindros e cabeçote de liga leve foi apresentado em 1936 e marcou definitivamente a história da marca, na época, o 328 era o esportivo de série mais veloz da sua categoria.

Na década de 1950, passando por dificuldades financeiras, a montadora lança os modelos BMW 501 e BMW 502 que não alcançaram sucesso, pois eram produtos defasados tecnologicamente.

A empresa tentaria se recuperar em 1956 com o esportivo 507, que teve produção limitada de 252 unidades.

Com os problemas financeiros agravados a empresa quase foi comprada pela Daimler Benz em 1959, mas os acionistas recusaram a proposta e a montadora lançou o BMW 700 – o primeiro automóvel com carroceria de aço.

O BMW 1500, o percussor do DNA que o Série 3 carrega até hoje, foi lançado em 1962. Dez anos depois ingressaria no segmento de turismo de luxo com o novo série 5.

Em 1975 estreou nova linha do série 3 que se tornaria a gama mais bem-sucedida da marca de todos os tempos.

Em 1976, a BMW lançou o Série 6 e a motocicleta BMW R 100 RS, no ano seguinte, lançou a Série 7 e o modelo 745i, com seus 252 cv, se converteu no carro mais potente de sua categoria.

Em 1994, a BMW adquire 80% da Rover (marcas Rover, MG, Mini e BMW) e, três anos depois, em 1997, lança o BMW M5, um sedã de luxo com potência de esportivo.

No mesmo ano, a Rolls-Royce se transforma em uma marca do BMW Group, e a quinta geração do BMW Série 3 se converte na mais bem sucedida de todos os tempos.

Em 1999 lança o BMW X5, o SUV da marca, o BMW 507 e o BMW Z8.

A parceria com o grupo Rover foi encerrada em 2000, mas a BMW conserva a marca MINI garantindo sua continuidade.

No mesmo ano lança a última geração do BMW M3 e o BMW 750hl, movido a hidrogênio.

Três anos depois, relança o BMW Série 6 Coupé e o primeiro Rolls-Royce da BMW, o sofisticado Phantom, a quinta geração do Série 5 e o X3.

O grupo BMW alcançou em 2012 seu maior volume de vendas da história, ao emplacar 1.845.186 de unidades das marcas BMW, Míni e Rolls-Royce em todo o mundo, o que representou um aumento de 10,6% sobre o ano recorde anterior, em 2011 (1.668.982).

As três marcas tiveram recorde de vendas no ano e a empresa reforçou a sua posição de líder no fornecimento de veículos premium no mundo.

Por marca, as vendas da BMW cresceram 11,6% em 2012 contra o ano anterior, para 1,5 milhão de unidades, com destaque para o modelo Série 3, que continuou líder de vendas com um total de 700,7 mil unidades, superando em 12% as vendas de 2011.

A Mini apurou vendas de 301,5 mil unidades em 2012 contra as 285 mil do ano anterior.

Os Estados Unidos continuam como o maior mercado para Mini no mundo: lá foram entregues 66.123 unidades (recorde), seguida pelo Reino Unido, com 50.367.

Ainda em 2012 foram vendidos 3.575 Rolls-Royce, recorde pelo terceiro ano consecutivo.

Além disso, em 2012 a BMW se tornou a marca de automóveis mais valiosa do mundo, aumentando seu valor em 10% e alcançando 30,4 bilhões de dólares.

BMW e Mini no Brasil

A BMW estabeleceu-se no Brasil em 1995 para vender veículos. O grupo trouxe em 2009 a marca Mini e no ano seguinte, começou a produzir motos fora de Berlin, em Manaus.

Para 2014, o Grupo BMW promete inaugurar uma fábrica em Araquari, próximo a Joinville, em Santa Catarina.

De acordo com a empresa, o mercado brasileiro tem potencial para absorver, em médio prazo, 30 mil veículos BMW por ano contra cerca de 10 mil a 12 mil que são vendidos hoje.

Em 2012, a BMW vendeu 17,4 mil unidades das marcas BMW, Mini e BMW Motorrad no Brasil, mantendo-se na liderança do segmento de veículos premium. Foram vendidos 8,1 mil veículos BMW e 1,8 mil Mini, além de 7,4 mil motocicletas BMW Motorrad.

O Série 3, que teve a sexta geração lançada em julho de 2012 no Brasil, foi o mais vendido no ano

Dentre os modelos da marca BMW, o Série 3, que teve a sexta geração lançada em julho de 2012 no Brasil, foi o mais vendido no ano com 3,1 mil unidades.

Em seu terceiro ano no País, o destaque de vendas da Mini ficou por conta da tradicional carroceria hatch. Somando as versões One, Cooper, Cooper S e Cooper S JCW, a marca conseguiu ultrapassar mil unidades.

Para a divisão de motocicletas do grupo o ano de 2012 foi o melhor da história.

As 7,4 mil unidades comercializadas fizeram a BMW Motorrad saltar da sétima para a quinta colocação no ranking mundial da marca e aumentar as vendas em 36,7% em comparação com o ano anterior.

O modelo BMW F 800 GS, montado em regime CKD em Manaus, foi o mais vendido com 2,4 mil unidades.

Modelos da BMW

Seguro BMW Série 1Seguro BMW Z4 RoadsterSeguro BMW 320Seguro BMW M2
Seguro BMW 116iSeguro BMW X6Seguro BMW 220iSeguro BMW 328i
Seguro BMW Série 5Seguro BMW Série 7Seguro BMW M5Seguro BMW X5
Seguro BMW X3Seguro BMW X1Seguro BMW X4

Saiba Mais sobre o Seguro BMW